Viagra feminino é o Exercícios de Kegel









Enquanto o Viagra feminino não sai dos laboratórios, a solução para mulheres que querem melhorar a vida sexual pode estar nos exercícios de Kegel, que fortalecem a musculatura da região vaginal.

O método, inventado pelo médico alemão Arnoldo Kegel, é sugerido até hoje para prevenir a incontinência urinária e a flacidez pós-parto, e também para que a mulher tenha mais prazer sexual. Os exercícios — que consistem em contrair os dois músculos principais que atravessam a região pélvica — ajudam a aumentar a percepção sobre a região vaginal, aumentando o controle dos movimentos dessa área do corpo.

Para começar a fazer os exercícios de Kegel, é importante descobrir quais são os músculos certos a serem exercitados. Para identificar esses músculos, há três métodos. Tente interromper o fluxo de urina quando estiver sentada no vaso sanitário. Se o conseguir fazer, significa que está utilizando os músculos corretos. Outra opção é imaginar que você está tentando impedir a saída de gases. Contraia os músculos que utilizaria nessa situação. Se você sentir uma sensação de "puxar", significa que esses são os músculos corretos para os exercícios de Kegel. O terceiro método é, deitada, colocar o dedo dentro da vagina. Contraia-se como se estivesse tentando interromper a saída de urina. Se sentir o seu dedo apertado, significa que está contraindo o músculo pélvico correto.

Exercícios de Kegel para você tentar.

Segundo especialistas, o ideal é praticar estes cinco movimentos diariamente, pela manhã e à noite. Procure fazer pelo menos três séries de quinze ou vinte repetições para cada uma delas.

1. Sente-se em uma cadeira e apóie as mãos nas coxas. Deixe os pés paralelos e distantes 20 centímetros um do outro. Contraia os músculos da vagina como se apertasse algo dentro dela. Conte até três e relaxe. Aumente a contagem gradativamente até chegar a dez.

Variação: contraia e relaxe os músculos rapidamente. Para acertar o ritmo, imagine que acompanha uma respiração.

2. Recoste-se na cama e deixe as pernas separadas e semi-flexionadas. Insira um dos dedos na vagina e tente apertá-lo o mais que puder. Caso não sinta nenhuma pressão insira dois dedos. Volte a se exercitar com um dedo quando a musculatura estiver mais treinada.

Variação: tente sugar o dedo com a vagina. Conte até três antes de relaxar.

3. Deite-se num colchonete e deixe os braços ao longo do corpo. Flexione as pernas. Essa é a posição inicial. Eleve o quadril e o dorso e fique apoiada sobre os ombros e os pés. Ao elevar o quadril, contraia os glúteos. Volte a posição inicial e relaxe os glúteos.

Variação: Na posição inicial, contraia o ânus em três tempos, sem relaxar: primeiro levemente. Em seguida mais forte e depois com toda a intensidade que conseguir. Fique assim e contraia a vagina como se sugasse alguma coisa com ela. Conte até três e solte os músculos devagar: Primeiro os da vagina, depois os do ânus.

4. De pé com as pernas semi-flexionadas, coloque as mãos na cintura e deixe os pés paralelos e distantes 20 ou 30 centímetros um do outro. Mova a pélvis para cima e para frente. Ao fazer isso, contraia a parte interna da vagina. Segure, conte até três e relaxe.

Variação: Faça um movimento contínuo e circular, como se usasse um bambolê, só que em quatro tempos:

1-Mova a pélvis para cima e para frente;

2- Leve o quadril para a esquerda;

3- Jogue o bumbum para trás;

4- Leve o quadril para direita.



Capacite-se em assuntos para atender melhor os pacientes:
  • Aprenda Kinesio Tapping Online
  • Cintura Pélvica: Principais alterações posturais e possíveis correções X estética do glúteo
  • Liberação Miofascial Instrumental MioBlaster (IASTM) + Ventosas

  • Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter

    Quer anunciar neste blog?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

    Quer sugerir uma pauta?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

    Poste um Comentário

    Tecnologia do Blogger.